Nova Ipixuna decreta luto oficial de três dias após morte de ex vice-prefeito

Redação Por: Redação

Polícia Destaques

7151 Visualizações

Publicado em 06/12/2017 17:31h

Nova Ipixuna decreta luto oficial de três dias após morte de ex vice-prefeito

Adão Lima de Jesus, ex vice-prefeito de Nova Ipixuna foi encontrado morto na manhã de hoje (6) dentro de sua residência na Avenida Tocantins, região central do município. Adãozinho, como popularmente era conhecido, estava despido e com um tiro na nuca, quando a polícia militar chegou ao local.

O corpo foi achado pelo filho do ex-político, identificado como Jhone, que acionou a PM por volta das 10h45. No local, foi constatado que o imóvel, que fica em cima de uma loja de eletrodomésticos, não tinha sinais de arrombamento ou de luta corporal. Ainda segundo informações colhidas pelos policiais, Adão foi visto com vida na noite de terça-feira (5) jantando com uma jovem em um estabelecimento da cidade.

Em entrevista ao Correio, o atual vice-prefeito de Nova Ipixuna, Everton Macias, deu uma informação diferente sobre o paradeiro da vítima na noite de ontem (5). Segundo ele, Adãozinho foi visto bebendo com amigos na conveniência de um posto de gasolina do município. Macias disse ainda que o ex vice-prefeito era uma pessoa muito querida no município e que, quando fazia parte da gestão municipal, doava todo o seu salário para projetos sociais. Por fim, informou que foi decretado luto oficial de três dias na cidade.

Adão era proprietário de três fazendas em Nova Ipixuna e foi vice-prefeito pelo Partido Socialista Brasileiro (PSB), em 2004, na gestão de José Pereira de Almeida, o Zezão, do Partido dos Trabalhadores (PT).  (Nathália Viegas e Chagas Filho)

Comentários

Deixa seu comentário abaixo sobre esta notícia: