Mototaxistas brigam em bar e vão parar na delegacia

Redação Por: Redação

Polícia Destaques

850 Visualizações

Publicado em 06/12/2017 12:37h

Mototaxistas brigam em bar e vão parar na delegacia

Nilvan Joaquim dos Santos e José Expedito de Souza Nascimento, que trabalham como mototaxistas em Marabá, acabaram na delegacia na noite de terça-feira (5). Após brigarem entre si, com o dono do bar onde estavam bebendo e com agentes da Guarda Municipal, ambos foram conduzidos e apresentados na 21ª Seccional Urbana da Polícia Civil.

A confusão, conforme o guarda municipal Charle Wdglison da Silva, começou devido à relutância de Nilvan Joaquim e José Expedito para pagar a conta de R$72 em um bar no Terminal Rodoviário do Km 6, Nova Marabá. “O dono do bar estava cobrando uma dívida de R$72. Os dois envolvidos disseram que não estavam devendo e um ficou passando a responsabilidade para o outro. A gente ouviu toda a confusão, até que o dono do estabelecimento solicitou que a gente apaziguasse toda a situação”.

Segundo o agente, ele conversou com os mototaxistas, que estavam visivelmente embriagados, e Joaquim chegou a admitir que devia ao dono do bar. Porém falou também que a quantia não era aquela e que não pagaria a conta sozinho. “O mais velho [José Expedito] se irritou e deu um soco no próprio parceiro, com quem estava bebendo. E disse que não queria pagar a conta”, relatou.

Neste momento, os guardas resolveram intervir e um deles, Alexsandro Caldas, acabou sendo agredido também, com um soco no rosto. Os agentes, então, mobilizaram José com um disparo de arma de choque, porque o homem estava jogando cadeiras e atentando contra o dono do bar, a GMM e o parceiro de bebida. O motoxista Nilvan, após ser detido, também se irritou e acabou ameaçando o agente Caldas de morte. 

O Correio de Carajás ainda teve acesso às informações extraoficiais de que, na noite de ontem (5), instantes antes de serem liberados, os mototaxistas arrumaram confusão na ala de transição com dois foragidos recapturados do Crama (Caio Adriano da Rocha Silva e Geovane Silva Assunção), e acabaram apanhando dos presos. (Nathália Viegas com informações de Josseli Carvalho)

 

Mototaxistas brigam em bar e vão parar na delegacia[1]

Comentários

Deixa seu comentário abaixo sobre esta notícia: