Foto: reprodução

A Delegacia Especializada no Atendimento à Mulher (Deam) divulgou no último mês não ter registrado um único crime de homicídio neste ano em Marabá. Infelizmente, este cenário pode ter mudado na tarde de hoje, quarta-feira (5).

FUTURO POSTAGEM KIDS
FUTURO MELHOR REDACAO
FUTURO MELHOR POSTAGEM
ALICERCE
TH SISTEMAS

Simone Aparecida Pereira, de 36 anos, acaba de morrer após ter sido esfaqueada em uma quitinete, na Folha 33, Quadra 29, na Nova Marabá. A mãe dela, Samara Lisboa, garante que o responsável pelas facadas foi Leandro Gomes Nascimento, o ex-companheiro da vítima, com quem tem dois filhos.

O morador da quitinete, amigo da família de Simone, concedeu a mesma informação aos policiais militares que atenderam à ocorrência, acionados por volta das 14 horas. O corpo ainda está no local, à espera da equipe do Centro de Perícias Científicas Renato Chaves para perícia na cena do crime e remoção do corpo.

Ao Correio de Carajás, Samara contou que a filha é moradora do Residencial Tocantins e havia saído do trabalho e ido visitar o amigo. Ela era contratada da Prefeitura Municipal de Marabá (PMM). A mãe acredita que a filha tenha sido morta por ciúmes do homem.

Para a Polícia Militar, Simone saiu do trabalho e foi seguida pelo ex-companheiro até o local. Não há informações, até o momento, sobre o paradeiro de Leandro. Mais detalhes na edição de amanhã do Jornal Correio. (Luciana Marschall – com informações de Josseli Carvalho)

 

TH SITES HORIZONTAL
ROMANCE FAVORITA
RADIO CORREIO HORIZONTAL
DEPNEUS